Programas de integridade previnem riscos e são fundamentais para gerar negócios

O “Código de Ética na Visão dos Clientes” foi o tema da segunda aula do seminário “As Agências de Comunicação e o Compliance – Riscos e Propostas”. Na terça-feira, dia 12, os associados acompanharam as palestras de Renato Cirne, compliance officer da FSB Comunicação, e Sandy Soares, consultor de sourcing e membro do Conselho de Ética da Abracom.

Cirne começou sua apresentação falando sobre como a comunicação pode ajudar a criar uma cultura de compliance nas empresas, prevenindo riscos nos processos internos e na cadeia produtiva. “Os programas de integridade não são apenas desejáveis hoje em dia. Eles são fundamentais para fazer negócios”, destacou.

Segundo ele, cada vez mais os órgãos públicos exigem programas de integridade de seus fornecedores e prestadores de serviços e os clientes privados também vão começar a exigir das agências programas de compliance.

Para ele, empresas com valores éticos fortalecem sua reputação, reduzem perdas e fraudes e geram resultados financeiros. Para que o programa seja bem-sucedido, é preciso que tenha apoio da alta liderança e haja comunicação adequada e eficiente para sensibilizar os funcionários. Prevenir, detectar e responder são as palavras-chave para um programa efetivo.

Sandy Soares fez sua apresentação em seguida, destacando que as relações com fornecedores, clientes e prestadores de serviços devem ser transparentes. “Precisamos dizer o que precisa ser feito com clareza total, não se pode achar que as bases da negociação estão subentendidas”, afirmou. Ele disse que é muito importante que cada interlocutor saiba qual é o seu papel no processo.

A presidente do Conselho de Ética da Abracom, Gisele Lorenzetti, disse que é preciso apurar quais são os propósitos e valores da empresa, antes de começar a elaborar um código de conduta.

O objetivo do seminário é sensibilizar as associadas para a necessidade mercadológica e ética das ações de compliance internas e indicar como construir seus próprios códigos de conduta. O evento é realizado em São Paulo, com a possibilidade de participação presencial ou acompanhamento por transmissão simultânea. Para a  primeira aula, realizada no dia 5/2, os convidados foram o professor da USP e jornalista Eugênio Bucci, e Jorge Duarte, diretor da ABCPública, que falaram sobre ética, riscos e compliance para agências de comunicação corporativa.

A próxima aula será no dia 19/2, com participação de Alessandra Gonsales, sócia-fundadora da LEC e sócia de Compliance do W. Faria Advogados, e Mario Ernesto Humberg, consultor de gestão e ética. Ambos são integrantes do Conselho de Ética da Abracom e vão falar sobre como elaborar um código de conduta.

As gravações dos dois encontros já estão disponíveis para os associados que tiverem interesse. Basta enviar um e-mail para eventos@abracom.org.br para solicitar o link de acesso. Os valores variam de acordo com a faixa de faturamento da agência.

 

Serviço

Seminário “As Agências de Comunicação e o Compliance – Riscos e Propostas”

Data: 19 de fevereiro

Horário: 9 às 12 horas

Local: Espaço Federal

Endereço: Avenida Paulista, 1.776 – 1º  andar

Valores: De R$ 50,00 a R$ 150,00, de acordo com a faixa de faturamento da agência.

Para acompanhar pela transmissão online, de R$ 25,00 a R$ 95,00.

Informações e inscrições: eventos@abracom.org.br ou (11) 3079.6839

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.