Na crise, a prevenção é a melhor atitude

 


A comunicação corporativa é um mercado em expansão no Brasil, envolvendo hoje 1.200 empresas e cerca de 13 mil pessoas, entre jornalistas, relações-públicas e profissionais de áreas afins. A informação é do presidente da Associação Brasileira de Agências de Comunicação (Abracom), Ciro Dias dos Reis, ao participar hoje do Meeting do Marketing, evento promovido mensalmente pela Federasul e coordenado pela jornalista Ana Cássia Henrich. Ciro definiu crise como uma ruptura de normalidade com potencial de afetar os negócios ou uma comunidade, e fez uma revelação que surpreendeu: dois terços das crises que ocorrem podem ser evitadas, e a maioria delas é causada pelos próprios gestores das empresas.


Um público de cerca de 120 pessoas acompanhou a palestra, a maioria da área de assessoria de imprensa. Ouviram Ciro dizer que na gestão de crise os públicos têm de ser mapeados com antecedência para que, na ocorrência de alguma fatalidade, a empresa saiba com quem tem de falar e o que tem de dizer a cada segmento. “A prevenção é a melhor atitude”, afirmou. E alertou que, se a empresa errar, o importante é saber reconhecer o erro e a situação de vulnerabilidade que vive, “até porque, com os meios de comunicação existentes hoje, é praticamente impossível esconder qualquer fato. E esconder não resolve a crise criada e ainda compromete a reputação”.


“Reconhecer o problema e enfrentá-lo só reforça a credibilidade da empresa ou do agente público”, disse o jornalista. “Mas tem episódios que são indefensáveis”, acrescentou, em uma breve referência ao caso do empresário Daniel Dantas, preso ontem pela Polícia Federal. Ciro disse que estava em Porto Alegre cumprindo uma das missões da Abracom, que procura difundir a importância da existência de programas de prevenção de crise integrando o planejamento estratégico das empresas. “Isto é tão importante quanto próprio planejamento de marketing”, afirmou.


 


Fonte: Coletiva.net


FONTE: Coletiva.net

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.