Mega Brasil lança Anuário das Agências de Comunicação e da Comunicação Corporativa

Publicação traz um inédito ranking por faturamento das agências e anuncia um crescimento de 25,5% do setor, que faturou R$ 1,5 bilhão em 2010


A Mega Brasil lançou nesta quarta-feira, dia 15 de dezembro, a edição 2010/2011 do Anuário Brasileiro das Agências de Comunicação e da Comunicação Corporativa, publicação que traz o mais completo retrato setorial da Comunicação Corporativa do Brasil. Além de um inédito ranking por faturamento do setor das agências de comunicação, a publicação destaca o bom ano que foi 2010 para toda a indústria da comunicação corporativa, que deve faturar cerca de R$ 1,5 bilhão, com um crescimento de expressivos 25,5% sobre 2009.


O Anuário aponta ainda um novo ciclo de crescimento para o setor, graças ao impacto que eventos como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016 produzirão em toda a cadeia setorial, que será também beneficiada pela chegada do setor público como um de seus principais clientes. Isso se dará por força da mudança da legislação federal, que agora obriga as instituições públicas a fazer licitação específica para a compra de serviços de assessoria de imprensa e de comunicação corporativa em geral.


Outro tema sobre o qual a publicação se debruça é o da transformação setorial, apontando para as significativas mudanças ocorridas nessa atividade, que deixou de ser, como há uma ou duas décadas, apenas focada no trabalho de assessoria de imprensa e passou a abranger todo o espectro da comunicação corporativa e do relacionamento com públicos diversos.


O Anuário Brasileiro das Agências de Comunicação e da Comunicação Corporativa 2010/2011 divide-se em quatro partes, mais os índices onomásticos de profissionais e de organizações: O caderno Editorial (com análises, opiniões e expectativas sobre o setor), Desempenho (principais indicadores econômicos e rankings) e Guias (de agências e de áreas de comunicação corporativa de empresas e de instituições), e o inédito “Quem atende quem”, quadro que reúne quase cinco mil organizações com as respectivas agências de comunicação e seus telefones e e-mails, que pode facilitar a vida dos jornalistas.


Para o publisher Eduardo Ribeiro, pela qualidade editorial, densidade das informações e serviços que publica, esse anuário vai ajudar a mudar a história desse setor. São 384 páginas e tiragem de cinco mil exemplares, com distribuição focada em três distintos segmentos: imprensa, executivos de comunicação corporativa e de áreas que compram serviços de comunicação e dirigentes das agências de comunicação.


A publicação recebeu o apoio institucional de Abracom, Aberje e Maxpress e foi prestigiada por mais de 80 anunciantes, entre agências e outras organizações. As empresas que colaboraram com a pesquisa Mega Brasil e que, portanto, figuram em algum dos três guias, tem direito a um exemplar gratuito. O anuário terá distribuição dirigida a profissionais de imprensa e de comunicação nas empresas e no setor público.  Ele está à venda exclusivamente na Mega Brasil, por R$ 120 o exemplar, com Adriana Somma ou Carol Pedace, pelo 11-5576-5600.


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.