Máquina da Notícia perde liminar contra licitação da Secom da Presidência

Carla Soares Martin

A Máquina da Notícia perdeu na última segunda-feira (22/09) uma liminar que havia conseguido na 16ª Vara de Justiça Federal de Brasília para interromper o processo de licitação da Secom da contratação de uma agência de comunicação para promover o Brasil no exterior.

Segundo Patrícial Gil, diretora-executiva do Grupo Máquina, a empresa entrará com um agravo no Tribunal Regional Federal da 1ª região, instância superior, para contesta a decisão. “É democrático que a gente recorra. A liminar foi revogada pela mesma vara que a concedeu”, disse.

O grupo de comunicação pede que o processo de R$ 15 milhões por um ano, renováveis por mais 60 meses, seja suspenso, por suposta alteração no mecanismo de licitação. A Secom negou qualquer mudança no processo.

Para que a licitação avance, contudo, é necessário ainda que a Secretaria de Comunicação da República vença uma liminar da empresa In Press Porter Novelli, que corre na 22ª Vara da Justiça Federal de Brasília.

 

Fonte: Comunique-se

FONTE: Comunique-se

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.