Assessorias de imprensa devem faturar R$ 100 milhões este ano

O mercado de assessoria de imprensa espera um faturamento de R$ 100 milhões para este ano. O número é da recém-fundada Abracom, Associação Brasileira das Agências de Comunicação, entidade cujo surgimento sinaliza um amadurecimento do setor.



Existem hoje no país cerca de 1.000 assessorias, a maioria absoluta concentrada no eixo Rio-São Paulo – são 600 em São Paulo e 100 no Rio de Janeiro. A demanda por serviços de comunicação tem aumentado expressivamente nos últimos anos, com a transformação da mentalidade que privilegia a publicidade em detrimento da formação de opinião, que não deixa de ser um tipo de marketing.



Os anunciantes têm percebido a necessidade de promover e fixar sua marca, associando à sua imagem valores como competência, comportamento ético e responsabilidade social, que ganham credibilidade num texto jornalístico. Além disso, a divulgação via assessorias tem um custo infinitamente menor que uma campanha publicitária.



O faturamento das maiores agências triplicou entre 1996 e 2000, passando de R$ 19 milhões para mais de R$ 64 milhões, de acordo com números do Balanço Anual da Gazeta Mercantil, o termômetro usado pelo setor, de 2000.



O principal objetivo da Abracom é criar parâmetros para o setor nas diversas questões que o envolvem (serviços, parceiros, clientes, fornecedores, entidades representativas, governo, formação profissional etc.), de forma a estabelecer critérios que beneficiem o desenvolvimento das empresas do segmento.




FONTE: Cidade Biz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.